Mário Vianna Pereira, reconhecido médico barquense, viu o seu nome envolvido num alegado esquema de burla tributária e atestado falso. Em comunicado enviado à Barca FM, o profissional de saúde de Ponte da Barca, reage afirmando que esta notícia não tem “qualquer correspondência com a realidade”.

O médico de clínica geral e familiar, comunica ainda a sua “maior indignação e repúdio quanto ao teor da notícia, veiculada com acentuado propósito difamatório e sem qualquer correspondência com a realidade”.

Este comunicado, veio no seguimento de uma notícia da CMTV, que afirmava que o médico estava envolvido num esquema de burla tributária e atestado falso, que terá vigorado durante 2 anos, entre Janeiro de 2008 e Dezembro de 2009, acusação que Mário Vianna Pereira “repudia” e diz sem qualquer correspondência “com a verdade”.

Comunicado na íntegra:

Mário Vianna Pereira, Médico de clínica geral e familiar, na vila de Ponte da Barca, na sequência da divulgação de uma noticia pelo Correio da Manhã, (CMTV), comunica a sua maior indignação e repúdio quanto ao teor da noticia, veiculada com acentuado propósito difamatório e sem  qualquer correspondência com a realidade, máxime com o único facto constante da acusação que contra ele foi deduzida no âmbito do proc. nº 1029/15.0TELSB, designadamente um crime de burla tributária, na forma TENTADA, previsto e punido pelo artº. 87º, nºs 1, 4 e 5, do Regime Geral das Infrações Tributárias. Notícia e informação da CMTV cujo conteúdo o Dr. Mário Vianna repudia em absoluto e à qual, em conformidade com o direito de resposta ao abrigo do artº. 24º, nº1 da Lei da Imprensa, exigirá, a correspondente rectificação e reposição da verdade factual subjacente aos mencionados autos, por forma a salvaguardar o seu bom nome e Dignidade Profissional e Pessoal.”

 

 

.  

Categorias: Noticias